terça-feira, 20 de novembro de 2018

Caixa-preta no BDNES antes da posse de Bolsonaro

 Resultado de imagem para “ Caixa-preta no BDNES antes da posse de Bolsonaro

Classificado por Jair Bolsonaro como uma caixa-preta, o BNDES espera receber antes da posse do presidente eleito os resultados da mais ampla investigação já conduzida sobre os negócios feitos pela instituição nos governos petistas. Coordenado por advogados americanos e brasileiros contratados pelo banco, o trabalho examina há um ano os investimentos feitos na gigante de alimentos JBS. Nenhum indício de irregularidade foi apontado até agora pela auditoria.

A investigação interna teve acesso a mais dados do que a Polícia Federal e o Ministério Público, que apuraram o mesmo assunto. Mais de 200 mil documentos e emails foram analisados, e dezenas de funcionários, ouvidos.

Ao concluir seu inquérito em agosto, a PF propôs o indiciamento do ex-presidente do banco Luciano Coutinho e do ex-ministro da Fazenda Guido Mantega, acusado de corrupção pelo empresário Joesley Batista, dono da JBS. O Ministério Público ainda não se manifestou. O banco se prepara para contratar em breve investigação semelhante para examinar projetos da Odebrecht na África e na América Latina, que também foram financiados pela instituição e se tornaram alvo de suspeitas.

Paulo Guedes confirma Castello Branco na Petrobras. Algumas privatizações serão feitas

Resultado de imagem para “É urgente privatizar não só a Petrobras,

A assessoria de Paulo Guedes confirmou em nota que Roberto Castello Branco vai assumir o comando da Petrobras.

O nome de Ivan Monteiro para presidir o Banco do Brasil ainda não foi oficializado.

 “É urgente privatizar não só a Petrobras, mas outras estatais”

Roberto Castello Branco, que vai presidir a Petrobras, denunciou o saque da estatal por parte do petismo.
Alguns meses atrás, em entrevista à Folha de São Paulo, ele fez o seguinte comentário sobre a greve dos caminhoneiros:
“Uma das lições que se tira desta crise é a urgente necessidade de privatizar não só a Petrobras, mas outras estatais.
É inaceitável manter centenas de bilhões de dólares alocados a empresas estatais em atividades que podem ser desempenhadas pela iniciativa privada, enquanto o Estado não tem dinheiro para cumprir obrigações básicas, como saúde, educação e segurança pública, que até mesmo tiveram recursos cortados para financiar o subsídio ao diesel.”

Recohecimento: Bolsonaro repassa R$ 2 mi em emenda para Santa Casa


Ainda no mandato de deputado federal pelo PSL do Rio de Janeiro, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, destinou R$ 2 milhões em uma emenda individual parlamentar para a Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora (MG), hospital que prestou o primeiro atendimento após o então candidato à Presidência levar uma facada durante um ato de campanha na cidade mineira em setembro.
Como parlamentar, Bolsonaro tem direito a direcionar R$ 15,4 milhões em emendas ao Orçamento da União de 2019, sendo que metade do valor tem de ser destinada para ações e serviços públicos de saúde, como determina a Constituição.
Logo após ter se recuperado do ataque, Bolsonaro chegou a dizer que “nasceu de novo” no hospital. Ele também quis doar para a instituição um valor do montante arrecadado para sua campanha e que acabou não ocorrendo. Esse tipo de doação não é permitida pela legislação eleitoral por se tratar de recursos de campanha.
A emenda para a Santa Casa de Juiz de Fora, no entanto, difere de grande parte das rubricas orçamentárias historicamente apresentadas por Bolsonaro ao longo dos 27 anos em que é deputado federal. Ele sempre priorizou o repasse para instituições de saúde, de educação e de outras áreas ligadas às Forças Armadas.

segunda-feira, 19 de novembro de 2018

O PT nao vai devolver o dinheiro de Lula?

 Resultado de imagem para O PT nao vai devolver o dinheiro de Lula?

A campanha de Fernando Haddad deixou um rombo de 3,8 milhões de reais.

O PT, segundo o Correio Braziliense, diz que o saldo devedor será quitado “via fundo partidário ou com recursos que serão depositados na conta bancária específica de campanha, observados os requisitos da lei eleitoral”.

E os 20 milhões de reais gastos pela campanha impugnada de Lula

O TSE não vai mandar o PT devolver o dinheiro?

Rombo previdenciário do RN aumentou R$ 300 milhões em dois anos

 Imagem relacionada

De 2015 para 2017, o rombo da previdência do Rio Grande do Norte aumentou R$ 300 milhões

Ainda não foi calculado de quanto foi o aumento em 2018, devido ao fato de ainda não ter terminado o ano.

Prefeitos apelam a Temer pela permanência dos médicos cubanos

 Resultado de imagem para prefeitos com temer na reunião do mais medicos
2017: Setembro e Outubro Brasília - Recepção de novos profissionais brasileiros que atuarão no Programa Mais Médicos (José Cruz/Agência Brasil)

O programa Mais Médicos fechou a escala desses profissionais nos lugares mais escassos do País

Com a saída dos cubanos, que trabalhavam destinando 70% da sua remuneração para a ditadura dos Castros, eles temem não conseguir substitutos.

 Mesmo a situação desses profissionais sendo análogas à escravidão, os prefeitos vão ao presidente Michel Temer (MDB) para interceder pela permanência deles.

Medicos cubanos que queira ficar o Brasil e receber os salarios integrais, serão chamados a partir do dia 27/11.

O Brasil te 17 mil medicos formados no estrangeiro e participarão do programa na segunda etapa.

Serão preenchidas todas as vagas dos 8.517 medicos em substituição aos cubanos.

Bem vindo ao governo, Fátima Bezerra!


O oba oba da campanha da governadora Fátima Bezerra (PT) começou a terminar quando a equipe de transição começou a compilar os primeiros números do Governo. As Finanças do Estado estão devastadas. 

Para poder governar, Fátima terá que tomar as medidas impopulares que nunca quis e, a partir de janeiro, começa a corrida contra o tempo para, ao mesmo tempo, colocar a máquina em funcionamento e não interromper os serviços público. 

Some-se isso às greves dos servidores, que começarão pela UERN. O Senado era o céu. Bem-vinda ao governo, Fátima!